5 de ago de 2010

SANTOS CAMPEÃO COM ESPETÁCULO; EFICIÊNCIA E RESULTADOS

Nesta quarta-feira, no Barradão, em Salvador, o Alvinegro Praiano levantou o seu segundo troféu no ano. Perdeu para o Vitória, por 2 a 1, mas como havia vencido o jogo de ida, na Vila Belmiro, quarta passada, por 2 a 0, ficou com o título. Conquista que vem com uma campanha que prova a vocação da equipe santista: Atacar sempre.

Foram 11 jogos, com 39 gols marcados, média de 3,5 gols por jogo. A equipe tem o artilheiro da competição, Neymar, com 11 gols, e é dona das duas maiores goleadas da edição 2010 da Copa: 10 a 0 no Naviraiense e 8 a 1 no Guarani, ambas na Vila Belmiro.

Jogo bonito ganha título? Essa discussão é recorrente. Para quem defende que futebol bonito não combina com títulos, Holanda, na Copa de 1974, Brasil, no Mundial de 1982, ‘provaram’ a tese. Para o técnico do Santos, Dorival Júnior, porém, o Peixe provou neste ano que é possível, sim, conciliar espetáculo com resultado.

- O Santos voltou a dar alegria, com um futebol bem jogado, vistoso. Esse conceito de que quem joga bonito não ganha campeonato caiu. Esse título fez bem para o futebol – afirmou o treinador.

Nenhum comentário:

Visitantes

TV BOLA SHOW - esporte para você